Home Institucional Produtos e Serviços Estatísticas Newsletter Ferramenta Local MailingNet Fale Conosco
Central de Atendimento: (11) 3341-2800
Login
Senha
Esqueci minha senha
Leitura de conteúdo
Pautas | Unifesp | 08/06/2011 11:49:34 | 1652 Acessos
Projeto Afrodite, da Unifesp, inaugura centro para tratamento do vaginismo
Distúrbio sexual feminino dificulta a penetração durante as relações sexuais.

O Projeto Afrodite, do Departamento de Ginecologia da Unifesp, inicia as atividades do Centro de Apoio e Tratamento do Vaginismo – CATVA, com o objetivo de atender às mulheres que sofrem de vaginismo, distúrbio que contrai a musculatura da vagina, impedindo a penetração do pênis e causando dor durante o ato sexual.

O centro surge a partir da necessidade de se acolher e tratar um número cada vez maior de mulheres com vaginismo que têm chegado ao Ambulatório de Sexualidade da Unifesp. No local, as pacientes contarão com uma equipe multidisciplinar, formada por médicos, fisioterapeutas e psicólogos, utilizando métodos de relaxamento e treino respiratório, bem como dessensibilização do corpo e do períneo.

De acordo com a ginecologista Carolina Carvalho Ambrogini, responsável pelo trabalho, os fatores que causam o vaginismo são diversos. “Educação muito rígida e severa dos pais durante a infância, o desconhecimento do próprio corpo, medo de tocar a vagina e primeiras relações sexuais traumáticas podem levar uma mulher a desenvolver esse distúrbio”, explica a ginecologista.

O Centro de Apoio e Tratamento do Vaginismo – CATVA está localizado à Rua Embaú, 66, na Vila Clementino. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (11) 5549-6174.

 

Sobre a Unifesp

A Unifesp foi apontada em 2011, pela terceira vez consecutiva, a melhor universidade federal do País segundo o Índice Geral de Cursos das Instituições de Ensino Superior do País (IGC), elaborado pelo Ministério da Educação (MEC) e Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).
Criada oficialmente em 1994, a Unifesp originou-se da Escola Paulista de Medicina (EPM), entidade privada fundada em 1933 e federalizada em 1956. Em 1940, a EPM inaugurou o Hospital São Paulo, primeiro hospital-escola do País, que hoje é o Hospital Universitário da Unifesp, localizado no campus São Paulo, no bairro Vila Clementino.
Na ocasião da criação da Unifesp, a instituição era a primeira universidade brasileira especializada em Saúde, abrigando em seu currículo de graduação os cursos de Medicina, Enfermagem, Biomedicina, Fonoaudiologia e Tecnologias Oftálmica e Radiológica.
Em 2005, iniciou-se o projeto de expansão por meio do Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni), coordenado pelo Ministério da Educação (MEC), com a criação do campus Baixada Santista. Em 2006, foi criado o campus Guarulhos, seguido de Diadema e São José dos Campos, em 2007, e Osasco, em 2011, dando seguimento ao processo de ampliação. O ambicioso processo de expansão fez com que a Universidade saltasse de um para seis campi e de cinco para 35 cursos de Graduação.
Com os novos campi, a Instituição deixou de atuar exclusivamente no campo da saúde, inaugurando cursos nas áreas de Humanas (Guarulhos), Exatas (São José dos Campos), Biológicas (Diadema) e Negócios (Osasco). No Vestibular 2011, a instituição oferece 3.249 vagas em seus cursos de Graduação.
Atualmente, a Unifesp conta com 6.301 alunos matriculados nos cursos de Graduação, além de 3.100 discentes nos cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu (Doutorado, Mestrado e Mestrado Profissionalizante) e 7.652 na Pós Graduação Lato Sensu (Especialização e Aperfeiçoamento,). Além disso, a instituição conta com 987 discentes no maior programa de residência médica do Brasil.
A Unifesp tem em seu quadro 1.208 docentes, sendo que 95% apresentam título de doutor, o que marca a qualidade de ensino oferecida pela Instituição.
No segundo semestre de 2010, tiveram início as atividades do primeiro campi avançado de extensão universitária da Unifesp, primeiro também no Brasil, implantado no município de Embu das Artes, na Região Metropolitana de São Paulo. E, no início de 2011, foi inaugurado o segundo campus avançado de extensão universitária da Unifesp, localizado na região de Santo Amaro, na capital paulista.
 

Compartilhar
Sala de imprensa Unifesp
Empresa UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
Contato Daniel Patini
E-mail daniel.patini@unifesp.br Fone (11) 33854116
Editoria (s) Saúde
"A Maxpress publica pautas e notas de clientes a quem cabe toda e qualquer responsabilidade pelas informações nelas contidas, e pelos direitos eventuais de autoria e de imagem."
Salvador COMEMORAÇÕES TRANSTORNOS CHEGA DISCUTE UNESP
Cuidados DOENÇAS VIDA EFEITO CARDIOVASCULARES ABERTAS
TRATAMENTO OBRA CONHEÇA AUTONOMIA POSITIVO PAIVA
COMPLETA CIENTISTA VÍRUS REDOBRADOS FACULDADE APM
ATIVIDADES PUC-CAMPINAS INIBIÇÃO JOVEM PROJETO VAGAS
AUMENTA CELEBRA FINALÍSSIMA ALIMENTOS PÓS-GRADUAÇÃO INTERNACIONAL
LIMPO ODONTOLOGIA LEITE OLHOS TBV TERCEIRA
PLANEJAMENTO DOA DETECTADO VISITA Cafeína PRÊMIO
EQUIPE NUTRIÇÃO SAÚDE GRATUITA FASAM UNIMED-BH
SONO CÂNCER SERENATA MEDICINA Gelatina Netto
ABERTURA IDOSO PRATICADA PASSA HCV anos
ASSIS CIRÚRGICA MAMA ESCOLAS HDT DIA
MÉDICO GATOS OCORREM BRASIL RESIDÊNCIA PROGRAMA
HEPATITE HOSPITAIS ESTERILIZAÇÃO CHANCE MÉDICA IDADE
CURA JABUTI
busca avançada
MAXPRESS
MAXETRON
Serviços de Tecnologia
e Informações LTDA
Copyright© 2010 Maxetron.
Todos os direitos reservados.
All rights reserved
Política de Privacidade
Portal Maxpress
Grupos editoriais
Arte e Lazer
Feminino e Masculino
Ciência e Ambiente
Geral
Comunicação
Nacional e Mundo
Economia e Finanças
Saúde
Empresas
Transportes
Esportes
Turismo
Portais
Institucional
Produtos e Serviços
Anúncio de banner
Contato
Fale conosco
MaxPR
Públicos
Imprensa Brasil
Corporativo
Governo Brasil
Imprensa latina
Vip
Ferramentas
Distribuidor
Gestor
Monitor
Ao Vivo
Conhecimentos
Prêmios
Crises
Serviços
Mailing avulso
Job
Facilidades
Saídas
Minha conta