Home Institucional Produtos e Serviços Estatísticas Newsletter Ferramenta Local MailingNet Fale Conosco
Central de Atendimento: (11) 3341-2800
Login
Senha
Esqueci minha senha
Leitura de conteúdo
Pautas | Oficina de Mídia | 11/12/2013 18:38:50 | 95 Acessos
Direitos humanos já! - Por Keiko Ota*

As cenas de vandalismo na última rodada do Campeonato Brasileiro de futebol mostram o quanto ainda somos reféns da violência. Isso acontece justamente quando se aproxima o início da Copa do Mundo e as atenções de todo o mundo se concentram no Brasil.

O que vimos na Arena Joinville é fruto da ação de verdadeiros criminosos. Bem ao contrário do que se espera de um torcedor, que é um cidadão apaixonado pelo seu time e que sabe respeitar seus adversários.

Até quando vamos ver a criminalidade, a violência e a impunidade falarem mais fortes? O poder público tem de assumir sua parcela de culpa e erradicar esse mal. O fato é que ocupamos a incômoda 7ª posição no ranking mundial de homicídios. Ou seja, o crime faz 27,4 vítimas a cada 100 mil brasileiros. Ficamos atrás apenas de El Salvador, Ilhas Virgens, Trinidad e Tobago, Venezuela, Colômbia e Guatemala.

Esse quadro nos coloca, infelizmente, distantes dos preceitos da Declaração Universal dos Direitos Humanos – ainda mais no momento em que celebramos 65 anos de sua proclamação pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Ironia ou não, tudo isso ocorre ao mesmo tempo em que o mundo perde um grande líder como Nelson Mandela, que sempre foi um ardoroso defensor da paz e dos direitos humanos.

A situação ganha um contraste maior quando comparamos os números do Anuário Brasileiro de Segurança Pública. O estudo indica que os homicídios no país tiveram um acréscimo de 7,6%. O índice, que vinha caindo desde 2000, teve uma elevação de 14% no ano passado.

Dessa forma, fica difícil cumprir o que diz o artigo 3º da Declaração: “Toda pessoa tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal.” Por isso, precisamos de leis mais duras para os crimes contra a vida. Somente assim evitaremos que a criminalidade, a violência e a impunidade continuem ganhando o jogo contra a paz, a justiça e os direitos humanos.

Não sou adepta da tese derrotista de que o Brasil não reúne condições para sediar a Copa do Mundo. Pelo contrário, tenho plena certeza de que faremos um belo evento.

Para tanto, temos de apostar na propagação da cultura de paz. Com isso, será possível incentivar o exercício da cidadania e promover o espírito de solidariedade e fraternidade na sociedade. Daí faremos jus ao artigo 1º da Declaração Universal: “Todas as pessoas nascem livres e iguais em dignidade e direitos. São dotadas de razão e consciência e devem agir em relação umas às outras com espírito de fraternidade.” E, espera-se, ganharemos a Copa.

(*) A autora é deputada federal. Contatos: http://www.keikoota.com.br/ / (11) 2092-3337

Compartilhar
Sala de imprensa Oficina de Mídia
Empresa OFICINA DE MIDIA CONSULTORIA EM COMUNICACAO INTEGRADA
Contato Solange Melendez
E-mail smelendez@oficinademidia.com.br Fone (11) 22192433
Editoria (s) Opinião
"A Maxpress publica pautas e notas de clientes a quem cabe toda e qualquer responsabilidade pelas informações nelas contidas, e pelos direitos eventuais de autoria e de imagem."
Não há Conteúdos relacionados.
realiza VALORIZA ELEVAÇÃO GESTÃO PÚBLICO Chove
região MESTRADO ARQUITETOS CAUSA EDIÇÃO Iguape
ganha FEI NUNES FORNECIMENTO DEZEMBRO KSB
AGÊNCIA CALOR PESQUISA ABC FILHO condenada
CAPACITAÇÃO CIÊNCIAS PEREIRA CARREIRA ESCOLAS inspiradores
PROMOVE QUINTA-FEIRA MARINHO PERFORMANCE CASA condenados
UNIVERSIDADE BOLETIM ORGANIZADA SHOPPING CAIU Transeunte
FERREIRA DOMINGOS FLORESTAS CIVIL BRASIL concreta
COMEMORA JUROS ELETRÔNICO NACIONAL CONQUISTARAM Urbanistas
PEDE PROLONGADA REUSO PRESIDENTE CONTAS Tejon
SANTOS MACKENZIE BRIGA ENCONTRO PREVIDÊNCIA indenizar
ORÇAMENTO COMPLEMENTAR DEFENSORIA CONTAM PAZ CEB
APOIO INICIAM REINALDO TRIDIMENSIONAL RESERVATÓRIOS Megido
ESPECIALIZADO AGRADECE JUSTIÇA TEMPLO DINHEIRO Kara
COMUNIDADE FINALISTAS BANANA FÓRUM USO MegaCPK
TRABALHOS PODER CAT ABERTO APRESENTA bueiro
ALUNOS GUILHERME PREDOMINAM BENEFICIADA DEFINE flanelinhas
EMBRAPA MARCIO CULINÁRIAS BRANCA LINHA Ex-superintendente
SANTANA AZUL ALTERNATIVA DOCENTES PORTO OuUnPo
SAFRA PARNAÍBA TECNOLOGIA AMBIENTAIS ESPERA INAUGURA
POLÍCIA INDAIATUBA GÁS POLO EDUCADORES ABRE
MAPEAMENTO SORTEIO PROFISSIONAIS PROJETOS FEDERAL ENTREGA
DOUTORADO CÂNCER IMPROBIDADE JOVENS VESTIBULAR FUNDAÇÃO
SKAF POSSE ADMINISTRATIVA EMPREGO AÇÕES UFSCAR
PROMOVER SAIBA TEATRO DIREITO ALMEIDA CASAS
RIBEIRA UTILIZADA AMEAÇA EXPERIÊNCIAS DEBATE CDHU
FIESP EVITAR JUIZES NESTLÉ BOMBA OFICINAS
CONSCIENTIZAÇÃO INGRESSAR PÚBLICA TROCA REVISTA LUIZ
ABORDA AMANHÃ NOTICIAS AÇÃO MAU ATENDIMENTO
INSCRIÇÃO REÚNE EMPENHO VALE CASAL publicação
CONSERVAÇÃO HÁBITOS CIDADANIA PAIS PROJETO EMPRESA
JOSÉ ENGENHEIROS NATURAL VISITA GAMA TCE-RJ
PRÓSTATA SUCESSO SAUDÁVEIS CONCLUI CUTRALE TJDFT
FUNDO SORTEIA RUA TAXA MOMENTO INSCRIÇÕES
SUSTENTABILIDADE CEZAR NOVEMBRO EXIBE sexta-feira ESCOLA
SIMPÓSIO JOSEPH REIS ELVIS Netto PRÊMIO
JUDICIÁRIO PAULÍNIA SOL GRANDE anos SP
PREFEITO PAIVA DIRETOR CAMPANHA Soberano ÁGUA
busca avançada
MAXPRESS
MAXETRON
Serviços de Tecnologia
e Informações LTDA
Copyright© 2010 Maxetron.
Todos os direitos reservados.
All rights reserved
Política de Privacidade
Portal Maxpress
Grupos editoriais
Arte e Lazer
Feminino e Masculino
Ciência e Ambiente
Geral
Comunicação
Nacional e Mundo
Economia e Finanças
Saúde
Empresas
Transportes
Esportes
Turismo
Portais
Institucional
Produtos e Serviços
Anúncio de banner
Contato
Fale conosco
MaxPR
Públicos
Imprensa Brasil
Corporativo
Governo Brasil
Imprensa latina
Vip
Ferramentas
Distribuidor
Gestor
Monitor
Ao Vivo
Conhecimentos
Prêmios
Crises
Serviços
Mailing avulso
Job
Facilidades
Saídas
Minha conta